Incubadora do Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong–Macau reconhecida como “Incubadora Nacional de Empresas Científicas e Tecnológicas”

2020-01-05 15:54 浏览次数:291

No dia 23 de Dezembro de 2019, a incubadora do Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong–Macau (adiante designada por “incubadora”) passou, com êxito, no processo de aprovação e publicidade do Ministério da Ciência e Tecnologia, tendo obtido, oficialmente, o título de “Incubadora Nacional de Empresas Científicas e Tecnológicas”, o que representa um novo patamar para os resultados do seu trabalho de incubação industrial.

Enquanto veículo e plataforma de relevância para o desenvolvimento do sector de medicina tradicional chinesa em Macau, o Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong–Macau (adiante designado por “Parque”), com base na inovação, na investigação e no desenvolvimento de medicina tradicional chinesa, tem vindo a promover e a apostar no agrupamento de indústrias, na reunião de quadros qualificados, na compartilha de tecnologias e no desenvolvimento movido por inovação, nos domínios de medicina tradicional chinesa, medicina biológica, saúde, entre outros. Desde o ano de 2017, o Parque começou a dedicar-se ao desenvolvimento do sistema de incubação de indústrias, em conformidade com os critérios que dizem respeito ao título de “Incubadora Nacional de Empresas Científicas e Tecnológicas”, tendo requerido e obtido o reconhecimento como incubadora do município de Zhuhai e da província de Guangdong, em 2017 e 2018, respectivamente, de acordo com os requisitos para o reconhecimento como incubadora nacional de empresas científicas e tecnológicas. Para mais bem apoiar Macau a desenvolver o sector de medicina tradicional chinesa, o Parque, contando com o grande apoio e a recomendação do Departamento de Ciência e Tecnologia da província de Guangdong e após uma apreciação e avaliação rigorosa do Ministério da Ciência e Tecnologia, obteve, oficialmente, o título de “Incubadora Nacional de Empresas Científicas e Tecnológicas”, no dia 23 de Dezembro de 2019.

A incubadora de empresas científicas e tecnológicas, enquanto instituição de serviços que visa incubar e dar apoio às pequenas e médias empresas de alta tecnologia, irá proporcionar aos empreendedores um ambiente empreendedor com condições favoráveis. Através da disponibilização de espaços para empreendedorismo, das infra-estruturas necessárias e de uma série de serviços profissionais, serão reduzidos os riscos e custos a ser assumidos pelos empreendedores, prestados assistência e apoio às pequenas e médias empresas em prol do seu crescimento e desenvolvimento rápido, assim como reunidas as empresas a montante e jusante da cadeia industrial. O apoio prestado pela incubadora não só é favorável ao desenvolvimento das empresas de Macau na Grande Baía como também é positivo para a incubação de mais empresas instaladas no Parque, ajudando-as a transformarem-se em empresas de Macau, impulsionando, deste modo, o desenvolvimento integrado do sector de medicina tradicional chinesa entre o Interior da China e Macau.     

1578643026134508.jpg

Parque Científico e Industrial de Medicina Tradicional Chinesa para a Cooperação entre Guangdong–Macau

Agrupamento de um número de indústrias no Parque

A zona de incubação do Parque ocupa actualmente uma área de funcionamento de 128 mil metros quadrados. Tendo em conta as diferentes exigências que os diferentes tipos de empresas apresentam no seu processo de crescimento e desenvolvimento, foi construída uma cadeia completa de incubação, que inclui: “espaço de cowork, incubadora, aceleradora, sede em edifício único”. Após uma promoção activa de quase dois anos, começaram-se a evidenciar os resultados do Parque no âmbito da incubação, desde a incubação de empresas até à de indústrias.   

Até agora, já entraram no Parque mais de 160 empresas registadas, incluindo a Guangzhou Pharmaceutical Holdings Limited, a Intertek, a Increase Innovative Medicine, entre outras grandes empresas e instituições de investigação e desenvolvimento, das quais 40 são empresas de Macau, representando 24,7 por cento do número total de empresas.    

Ao mesmo tempo, a construção da plataforma de integração de estudo e investigação na área de medicina tradicional chinesa e da plataforma internacional de intercâmbio e cooperação, assim como a disponibilização dos serviços de Boas Práticas de Fabrico (BPF) em Escala-Piloto, da plataforma de serviços públicos com compartilha de equipamentos e da plataforma de registo e comércio internacional e inspecção por terceiro com reconhecimento internacional irão ajudar as empresas de Macau a desenvolverem mais produtos e a explorarem, progressivamente, o mercado do Interior da China e o internacional, que são muito maiores do que o de Macau. Até ao presente, o Parque já desenvolveu 11 produtos medicinais, suplementos saudáveis e outros novos produtos de medicina tradicional chinesa, por quatro empresas de Macau, tendo contribuído para a elevação dos critérios de qualidade de dois produtos, que já estão a ser comercializados, de uma empresa de Macau, assim como conseguido a sua entrada no mercado de Moçambique.    

1578643054845445.jpg

Edifício das Boas Práticas de Fabrico em Escala-Piloto

Adicionalmente, o Parque conta com uma equipa profissional de serviços empresariais, que construiu uma cadeia completa de serviços destinados às empresas, incluindo a declaração de políticas, o emparelhamento de investimento e financiamento, o marketing, a incubação de empresas, entre outros. Até agora, o Parque já ajudou cinco empresas a obterem uma totalidade de 100 milhões de RMB de financiamento, diversas empresas a obterem uma totalidade de 26 milhões de RMB de diferentes tipos de subvenções governamentais, 6 empresas a declararem-se como empresas nacionais de alta tecnologia, 23 empresas a obterem 10 diferentes reconhecimentos, como o reconhecimento de nova instituição de investigação e desenvolvimento da província de Guangdong, o reconhecimento de pequenas e médias empresas de ciência e tecnologia, entre outros. A par disso, têm sido realizadas 3 séries de actividades de formação, intituladas “Escola de Comércio sobre a MTC”, “Encontro com a MTC” e “Palestras sobre a MTC”, que formaram, no total, mais de 1500 pessoas.    

1578643139260342.jpg

O Parque realiza frequentemente actividades de formação com diferentes temas

No futuro, o Parque irá aperfeiçoar a sua qualidade enquanto plataforma e optimizar o sistema de serviços destinados às empresas, criando condições favoráveis para atrair a entrada de mais empresas distintas domésticas e estrangeiras e projectos de Macau e condições para criar, conjuntamente, uma atmosfera industrial. O Parque encaminhar-se-á, ainda, para se tornar um sítio que demonstre e lidere o desenvolvimento do sector de medicina tradicional chinesa de alta qualidade na Grande Baía Guangdong–Hong Kong–Macau, criando mais espaços e condições para o desenvolvimento das empresas e dos quadros qualificados de Macau.